Os melhores filmes originais da Netflix

Publicidade

No momento, a Netflix tem cerca de 60 filmes próprios (sem contar documentários, quase todos excelentes)

0
219

Uma vez que consolidou seu catálogo de séries originais, a Netflix deu o próximo passo natural: começou a produzir seus próprios filmes. Uma estratégia que tem sido controversa e problemática, quando se leva em conta o impacto cultural e econômico desses filmes por serem exclusivos do streaming para assinantes, em vez de serem lançados em salas de cinema.

Ignorando tudo isso, a Netflix seguiu os mesmos passos das séries. Ela recrutou alguns dos criadores mais talentosos ou bem conhecidos (cada um decide em qual dessas categorias Adam Sandler entra) e investiu uma boa quantidade de milhões de dólares.

Entre o seu catálogo de filmes originais, existem os bons, os ruins e os regulares, e é claro que eles ainda não encontraram um caminho claro a seguir, como fizeram com as séries.

No momento, a Netflix tem cerca de 60 filmes próprios (sem contar documentários, quase todos excelentes).

Esta é a nossa seleção dos melhores filmes originais da Netflix:

Beasts of No Nation

O primeiro filme original da Netflix.

Um drama de guerra dirigido e escrito por Cary Joji Fukunaga e que teve como grande atração o papel de Idris Elba.

Separado da família durante a guerra civil, um garoto africano (o ator Abraham Attah uma verdadeira revelação) é obrigado a lutar ao lado de mercenários e se tornar um menino-soldado de guerrilha.

Uma guerra civil sanguinária em um país africano. Um bom filme!

The Fundamentals of Caring

The Fundamentals of Caring netflix

Dirigido por Rob Burnett e baseado no romance de Jonathan Evison, esta comédia inspiradora nos mostra um cadeirante cínico e seu cuidador que pegam a estrada em busca de pontos turísticos e monumentos, mas acabam durante o percurso, acabam encontrando esperança e amizade.

Tallulah

Com base em uma experiência pessoal, a diretora Sian Heder teve a oportunidade de trazer essa história para o streamingTallulah flerta com sentimentalismo e golpes emocionais baixos, mas evita cair completamente graças a sua honestidade, personagens divertidos e performances de Ellen Page e Allison Janey.

SinopseÀ procura do seu ex-namorado, uma jovem errante rapta impulsivamente um bebé, filho de uma mãe negligente, e finge que a criança é sua.

A Incrível Jessica James

Uma comédia romântica dirigida por James C. Strouse sobre uma jovem dramaturga aspirante em Nova York e seus amores.

Sem prometer mais do que o que ela pode dar, A Incrível Jessica James é uma comédia romântica fascinante.

Já não me sinto em casa nesse Mundo

Um filme do diretor recém-chegado, Macon Blair.

A abordagem de Blair está mais perto da comédia, mas não perde o impacto e a eficácia de uma história que vê a violência e a frustração que estavam agachadas na vida de dois personagens tão únicos e cativantes, interpretados por Melanie Lynksey e Elijah Wood.

“A vida de uma tímida auxiliar de enfermagem ganha novo propósito quando ela e um vizinho resolvem encontrar os ladrões que roubaram a sua casa.”

Apostando Tudo

O prolífico diretor Joe Swanberg  um dos principais nomes do agora desaparecido movimento de filmes independentes da Mumblecore , trouxe a Netflix seu selo pessoal de narrativa austera, ocasionalmente improvisada, bruta e realista sobre relações modernas, sexo e tecnologia.

“Após perder 50 mil dólares que não eram dele, Eddie começa a reconstruir a sua vida. Mas um acontecimento inesperado faz ele voltar aos hábitos de sempre.”

Sandy Wexler

Este é o terceiro na série de seis filmes originais que Adam Sandler pretende fazer para a Netflix. Sandy Wexler, dirigido por seu colaborador Steven Brill, é o mais bem-sucedido até agora e, embora não escape das fórmulas usuais das comédias de Sandler.

“Quando um empresário atrapalhado mas dedicado assina o primeiro contrato de uma cliente com talento de verdade, a carreira dele decola.”

Okja

A primeira grande colaboração internacional da Netflix, chamando o prestigiado diretor coreano Bong Joon-ho, levou pela primeira vez à plataforma uma produção original do Festival de Cannes e desencadeou uma controvérsia .

Um filme que, sem ser o melhor do diretor, confirma que seu talento é praticamente infalível e que ele pode efetivamente lidar com uma história que varia de uma parábola ambiental e uma fábula animalista, através de momentos de fantasia juvenil e sequências de ação dignas de uma suspense de espionagem, até mesmo uma sátira do mundo corporativo e organizações ativistas.

“Um imenso animal e a menina que o criou se veem no fogo cruzado entre o ativismo animal, a ganância empresarial e a ética.”

Jogo Perigoso

Se falamos de filmes de terror, Mike Flanagan surgiu como um dos novos diretores mais interessantes.

Ele já fez o sucesso Hush: A Morte Ouve para a Netflix, e seu novo filme começou a adaptar uma novela difícil de Stephen King, que ocorre em uma sala única, com um enredo difuso que se move de mãos dadas com a instabilidade mental de seu único protagonista.

Flanagan conseguiu tornar esta premissa uma história chocante sobre abuso e manipulação emocional que flerte com o sobrenatural apenas o suficiente, e que tem Carla Gugino no seu melhor.

“Quando as brincadeiras sexuais do marido dão errado, Jessie, algemada a uma cama numa casa distante, encara visões alucinantes, segredos sombrios e uma escolha terrível.”

Os Meyerowitz: Família Não se Escolhe

Este ano Netflix estreou o novo filme de Noah Baumbach – um ótimo drama familiar.

“Mágoas e rivalidades marcam o reencontro de três irmãos que se reúnem em Nova York para homenagear o pai, um escultor sem sucesso e pra lá de marrento.”

A Babá

Comédia de terror (dirigida por McG) sobre um pequeno nerd que se apaixona por sua linda babá… pouco depois, ele descobre que ela faz parte de uma terrível seita satânica.

Com um espírito saudável do cinema de classe B e não podendo ser levado muito a sério, A Babá é um filme às vezes divertido, absurdamente violento e sangrento, que destaca sua protagonista Samara Weaving e o jovem Judah Lewis.

“Cole já sabia que a babá dele era linda e sexy, mas descobre também que ela faz parte de um culto satânico e que a turma da seita quer muito manter o segredo.”


Curtiu a lista? Outras notícias da Netflix você confere aqui!

Neste sino do lado inferior esquerdo, você se inscreve pra não perder nenhuma notícia do nosso site, assim você ficará sempre por dentro das últimas notícias do mundo geek ou se preferir curta nossa página no Facebook.

Deixe um comentário